Loja Mietis em Barcelona por Evvo Retail


2 min de leitura
02 Oct

O projeto "Espaço Mietis" em nome de Mietis e criado por Maria Fontanellas nasceu no bairro de Poblenou em Barcelona. É um bairro de múltiplos diálogos envolvendo diferentes linguagens arquitetônicas, usos e tipologias. Reúne as novas indústrias de tecnologia na área, bem como escolas de design, universidades, novos espaços comerciais e de serviços que incorporam um caráter contemporâneo. 

Para começar, tivemos a ideia de conservar a essência do que foram as paredes originais, que tiveram parte da sua história escrita nelas, ao construir um novo espaço com a "alma" do universo de Maria para transformá-lo em seu próprio mundinho. Um mundo para compartilhar.

Dessa forma, parte das paredes originais foram preservadas com suas próprias “feridas” e seu caráter diretamente ligado à idiossincrasia do bairro. Queríamos mostrar que a nova intervenção foi crescendo como camadas sobrepostas, respeitando diferentes momentos do tempo. 

Os volumes já existentes também nos deram pistas de como trabalhar a distribuição e decidimos reproduzi-los de forma a criar novos espaços dentro do espaço geral, criando uma combinação de "cheio" e "vazio". 

No que diz respeito à formalização, pretendíamos criar um ambiente muito semelhante ao universo de Maria, utilizando a forma curva do arco como elemento plástico. Aplicamos na claraboia do fundo da loja que é uma peça importante para realçar a luminosidade do espaço. 

A nossa proposta foi nos separar da parede já existente, deixando um espaço onde a luz se apresenta como outro elemento e, ao mesmo tempo, funciona como um separador entre a arquitetura do estaleiro - símbolo de um ontem - e o filtro formada pelos 3 arcos. 

Com o mesmo intuito, definimos as aberturas da zona dos escritórios e do espelho da zona central. Esta forma curva dos arcos pode ser percebida de forma diferente dependendo do ângulo ou perspectiva de onde é observada.

Também achamos atraente o contraste entre as ondulações das chapas e a queda da corda da cortina. Aqui a forma curva é novamente destacada, agora brincando com suas partes côncavas e convexas.

E por último, mas não menos importante, a importância do tratamento de cores e dos detalhes decorativos e do attrezzo final direto da mão de Maria, que deram ao espaço um toque mágico muito próximo da sua forma de ver a vida e a criação. 

Contribua com a Office Connection e encaminhe seus projetos e artigos com fotos para nossa redação