Vinícola Xige Estate por Udopartners + Saussure Architects


4 min de leitura

A sede da Vinícola Xige Estate é uma propriedade cercada por um muro de pedra circular, localizada em Wuzhong, Norte da China. Devido à sua posição privilegiada entre a montanha Helan e o rio Amarelo, as terras da região passaram a ser procuradas por produtores de vinhos que, estabeleceram neste território a primeira região produtora de vinho na China a implantar o sistema em fileiras. 

Procurando responder às condições climáticas específicas do local, o projeto da vinícola pretende integrar-se à paisagem natural, materializando uma intenção que não apenas tem a ver com a arquitetura, mas também com o espírito do vinho produzido nesta terra. O edifício foi construído a partir de materiais locais, como as rochas encontradas na Montanha não muito longe dali. 

Estas rochas foram utilizadas para construir um muro que delimita os mais de 25 mil metros quadrados da propriedade. 

O acesso principal se dá através de um pequeno pátio circular que tangência o limite do terreno, definido pelo muro de pedra. Interiormente, a sede da vinícola abriga desde as áreas de produção e os escritórios da empresa, passando por espaços de degustação, uma adega, um restaurante até um hotel e outros espaços funcionais. 

Contrapondo-se à rigidez do muro de pedra, os espaços interiores vão assumindo diferentes formas, edifícios independentes pensados de forma bastante flexível. De modo geral, a área produtiva foi concebida para ser eficiente e funcional, assumindo uma volumetria pura e simples. Os demais espaços, principalmente aqueles voltados ao atendimento do público, assumem formas mais descontraídas e uma atmosfera mais agradável e aconchegante. 

Para o projeto de interiores, a intenção era criar um espaço mais “sustentável”. Muitas das pedras encontradas no terreno foram incorporadas no projeto em suas formas originais de forma a construir uma paisagem interior que reverbera as condições naturais do terreno. 

Em alguns casos as pedras foram mantidas em sua forma natural e bruta, em outros, elas foram polidas e manipuladas para promover uma sensação de requinte e delicadeza. Outro material amplamente utilizado no projeto de interiores é a madeira de teca, que mantida em seu estado natural, envelhecerá com o tempo, com o sol e a chuva. 

Cortinas tingidas com corantes naturais à base de uva, maçanetas feitas com troncos de videiras secas e tantos outros objetos de antiquário, todas esses elementos contribuem à sua maneira para a construção da atmosfera única da vinícola Xige Estate. 

O paisagismo interior, dominado por plantas nativas, é outra maneira de ancorar o projeto da vinícola em seu contexto específico. É como se —apesar do muro que protege e delimita a propriedade da vinícola—não houvesse limites entre o interior e exterior. 

Elementos característicos da paisagem natural de Ningxia podem ser vistos por toda parte: salgueiros vermelhos, espinheiras e rochas, tudo aqui parece se suceder de forma a construir um cenário perfeito e profundamente conectado com a história do lugar. 


Arquitetos: udopartners

Arquitetos de interiores: Saussure Architects 

Área: 25.000 m²

FONTE: Vinícola Xige Estate

 Contribua com a Office Connection e encaminhe seus projetos e artigos com fotos para nossa redação - gustavo@ralestrategia.com.br